Publicidade
 
COLUNA DE HOJE
50ª Expo Prudente
Agenda
Amigos dos Trígonos
Angélica Bongiovani
Apea
Atuação Parlamentar
Baladas
Cidadania Italiana
Cidades da Região
Cinema
Claudia Riecken
Comportamento e Sexualidade
Concursos & Empregos
Crônicas de José Dassi
Cultura
Curiosidades
Decoração & Paisagismo
Desenvolvimento Holístico
Desenvolvimento Pessoal
Diário da Motocicleta
Diário de Buenos Aires
Diário de Londres
Diário de Singapura
Dicas do Chef
Dr.Belmiro d'Arce
Empresas & Negócios
Entrevistas
Espaço Literário
Esportes
Everton Souza
Fábulas Fabulosas
Festas
Galeria de Artes
Gotas de Reflexões
Guia de Prudente
Hélio Martinez
Hospital Regional do Câncer
Intercâmbio & High School
Iracema Caobianco
Isso é Dez Pra Mim
Letícia Martins
Medicina 2010
Minhas Viagens
Nas ondas do rádio
Noticias da Toledo
Nutrição e Atividade Física
O Imparcial
O Que Prudente Tem de Bom
Opinião
Painel do Couro
Painel Rural
Personalidades Prudentinas
Presidente Prudente
Prudenshopping News
Prudentinos pelo mundo
Renata de Luca
Residencial Damha
Responsabilidade Social
Rotary on line
Rubens Shirassu
San Fernando
Saudades Prudentinas
Saúde
SAÚDE MENTAL
Segurança & Tecnologia
Sinomar Calmona
Stúdio Desirée Soares
Tânia Rodrigues
Tênis Clube
Terapia Familiar
Turismo
Últimas Notícias
Veiculos

1 | Leitores OnLine

Total de Visitas
3457055

 

 

 
 

Liane amplia produção de biscoitos e macarrão


 


Laudério Leonardo Botigelli, diretor presidente do grupo Liane, na linha de produção de biscoitos.



O novo setor de expedição, de onde saem diariamente toneladas de produtos para todo Brasil.



Área da mais recente ampliação das Industrias Liane.

Industria emprega 1,2 mil funcionários em Pres. Prudente e está construindo centro de distribuição em Goiás

O empresário Laudério Leonardo Botigelli diz que não perde tempo reclamando da economia. Mantém o habitual otimismo nos negócios.

Enquanto a maioria das organizações paralisam investimentos diante das nuances da economia brasileira, a dele continua investindo em produção e expandindo os domínios dos produtos Liane, 100% fabricados em Presidente Prudente.

O incremento de produção e qualidade é uma constante nos 36 anos das Industrias Liane.

Agora mesmo está construindo um novo centro de distribuição na região Centro Oeste do Brasil. Ao mesmo tempo coloca em funcionamento mais um forno para biscoito doce -exclusivamente para fabricação de wafers, equipamento moderníssimo, totalmente sem contato manual - e está lançando novos produtos.

Em 2003 a empresa investiu R$ 3,5 milhões. Este ano, já passaram de R$ 5 milhões os investimentos em ampliação e modernização do parque industrial, dispondo de alto nível de automatização de sua produção. Além de aumentar a área construída necessária à instalação dos novos equipamentos, está trocando o piso e a iluminação para melhorar as condições de trabalho dos funcionários.

Entre novos produtos que estão chegando ao mercado - estão vários biscoitos como o Palitinho com cobertura sabor chocolate, o biscoito aperitivo, as rosquinhas de coco e chocolate.

Assediado pelos governos de Goiás e Mato Grosso para instalar seu terceiro centro de distribuição, Laudério Leonardo Botigelli escolheu o município de Aparecida de Goiânia, na grande Goiânia, graças à sua localização estratégica que facilita os planos de expansão do grupo Liane no território nacional. Outro incentivo que levou a empresa para aquela localidade foi a doação de uma excelente área, pela Prefeitura Municipal.

A empresa já contava com instalações em São Paulo e Rio de Janeiro - onde já tem uma área de 15 mil metros quadrados há 3 anos. Na cidade goiana está ocupando uma área de 16 mil metros quadrados. A obra encontra-se em fase final da instalação de um mega salão de 3 mil metros quadrados, e o novo pólo deve entrar em funcionamento dentro de quatro meses. De Aparecida de Goiânia, os produtos Liane serão distribuídos para os estados de Goiás, Tocantins e Distrito Federal, um mercado em que vêm alcançando altíssimo índice de aceitação dos consumidores.

Os produtos Liane já são encontrados em parte considerável do território nacional. Seus mercados mais competitivos são os dos estados de São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás, Brasília, Rondônia e Acre.

Mais de mil funcionários - A industria Liane é um dos maiores geradores de mão de obra de Presidente Prudente. Emprega atualmente 1.200 trabalhadores, que atuam diretamente na produção de 140 toneladas de macarrão e 100 toneladas de biscoitos, por dia. Cerca de 100 representantes cuidam da comercialização dos produtos Liane em todo território nacional, em que a empresa ocupa seguramente lugar entre as 3 maiores do ramo.

Consome aproximadamente 5 mil sacos de farinha de trigo por dia.
A empresa está sediada em Presidente Prudente desde 1967, quando Laudério Leonardo Botigelli chegou do Paraná para investir em nossa cidade, acreditando no seu futuro, adquirindo a antiga fábrica de macarrão Peretti. Em 1974 introduziu a fabricação de biscoitos.

Hoje, o grupo Liane ocupa prédio próprio, numa área de 30 mil metros quadrados, no km 455 + 300 metros da Rodovia Assis Chateaubriand. Adquiriu uma área de 5 mil metros quadrados, do outro da rodovia, defronte sua sede, onde está construindo sua área logística e estacionamento dos 102 caminhões da frota.

É uma organização tipicamente familiar. O capital do grupo Liane é integralizado por uma sociedade de cotas, da qual participam Laudério Leonardo Botigelli, diretor presidente e todos os seus filhos, que atuam na administração da indústria e demais empresas.

Sojicultura - O grupo Liane é formado por oito empresas que atuam em diversos ramos, imóveis, construção civil, veículos e a agropecuária, com várias fazendas de criação de gado na região e no Mato Grosso do Sul. Recentemente Laudério Leonardo Botigelli decidiu apoiar os esforços para transformar esta região no mais novo pólo de sojicultura nacional. Arrendou uma área de 300 alqueires em Sandovalina, e destinou-a à soja.

Assim como boa parte dos que plantaram este ano, foi prejudicado pela estiagem extemporânea, mas não se arrependeu. "Tenho certeza que esta região será uma grande produtora de soja", disse Botigelli, garantindo que voltará a plantar nas próximas safras, e acreditando no desenvolvimento do setor.

 

Imprimir Enviar por e-mail


VOLTAR
Publicada em: 27/04/04
 
 
Sinomar.com.br © Direitos Reservados
Design by Web Argon