Publicidade
 
COLUNA DE HOJE
50ª Expo Prudente
Agenda
Amigos dos Trígonos
Angélica Bongiovani
Apea
Atuação Parlamentar
Baladas
Cidadania Italiana
Cidades da Região
Cinema
Claudia Riecken
Comportamento e Sexualidade
Concursos & Empregos
Crônicas de José Dassi
Cultura
Curiosidades
Decoração & Paisagismo
Desenvolvimento Holístico
Desenvolvimento Pessoal
Diário da Motocicleta
Diário de Buenos Aires
Diário de Londres
Diário de Singapura
Dicas do Chef
Dr.Belmiro d'Arce
Empresas & Negócios
Entrevistas
Espaço Literário
Esportes
Everton Souza
Fábulas Fabulosas
Festas
Galeria de Artes
Gotas de Reflexões
Guia de Prudente
Hélio Martinez
Hospital Regional do Câncer
Intercâmbio & High School
Iracema Caobianco
Isso é Dez Pra Mim
Letícia Martins
Medicina 2010
Minhas Viagens
Nas ondas do rádio
Noticias da Toledo
Nutrição e Atividade Física
O Imparcial
O Que Prudente Tem de Bom
Opinião
Painel do Couro
Painel Rural
Personalidades Prudentinas
Presidente Prudente
Prudenshopping News
Prudentinos pelo mundo
Renata de Luca
Residencial Damha
Responsabilidade Social
Rotary on line
Rubens Shirassu
San Fernando
Saudades Prudentinas
Saúde
SAÚDE MENTAL
Segurança & Tecnologia
Sinomar Calmona
Stúdio Desirée Soares
Tânia Rodrigues
Tênis Clube
Terapia Familiar
Turismo
Últimas Notícias
Veiculos

1 | Leitores OnLine

Total de Visitas
3427845

 

 

 
 

SITIO DO CARROÇÃO


O único resort pedagógico do Brasil


.: Alunos do Átomo recebem instruções antes do excitante estudo do meio ambiente, no Sítio do Carroção.

Alunos do Colégio Átomo fazem a primeira excursão pedagógica ao Sítio do Carroção, em Tatuí, a 150 km de SP

“Não basta treinar os alunos para a apreensão da realidade: é preciso motivá-los, surpreendê-los”, diz o professor Antonio Batista Grosso, diretor do Colégio Átomo, ao justificar o novo roteiro de excursão pedagógica escolhido pela escola, o surpreendente Sítio do Carroção, em Tatuí.

“As atrações pedagógicas oferecidas pelo Sítio do Carroção abrangem as mais diversas áreas do conhecimento humano. Assim, imersos em um clima de aventura e descoberta, os alunos estarão prontos para assimilar informações e sedimentar um conhecimento que não será apenas memorizado,mas que torna simplesmente inesquecível”, comentou o prof.o Antonio..

Participaram da excursão 50 alunos de 3.a e 4.a série, acompanhados pelas professoras Renata da Silva Portela,Dulce Maria Ubukata e Maria Ivone Scoboza, e a diretora da escola, Érika Kono Fujizaki.


.: A descoberta de um fóssil deTiranossauro Rex é a coroação da pesquisa de campo em um sítio palentológico simulado.

O Sítio do Carroção, em São Paulo, é quase um parque de diversões. Tem cavernas artificiais que lembram as aventuras de Indiana Jones no cinema. Não bastasse isso, os promotores surpreendem os acampados com um avião "perdido" na mata e até mesmo a réplica de um labirinto medieval. É pura adrenalina. As atividades em nada lembram as singelas gincanas da escola. Brincar de rei Artur, em busca da mitológica espada Excalibur, é o ponto alto das férias no Carroção. A aventura é minuciosamente monitorada: um controle eletrônico só libera a espada de uma pedra artificial para os garotos mais franzinos. "Privilegiamos os mais fracos", assume Luiz Gonzaga, dono e idealizador do sítio.

Um dos únicos resorts do país voltados exclusivamente para crianças. Fica em Tatuí, a 150km de São Paulo. As crianças aproveitam as férias em meio a aventuras e altas doses de adrenalina. Uma das maiores atrações é o caminho de Indiana Jones, onde os visitantes devem se pendurar em um cipó, atravessar o rio para cair direto em um toboágua de 103m. Na Caverna do Lago Azul, os meninos desbravam as maravilhas das cachoeiras de águas aquecidas e se encantam com a variedade das estalactites e estalagmites. Na minipista de Fórmula I, os aventureiros enfrentam simulações de neblinas e chuvas, além dos desníveis e curvas da pista.


.: Descoberta de um avião DC-3 perdido na selva, umbom motivo para estudar História.

Descoberta na Selva - Caminhando pelo rio em clima de aventura, o grupo sai em busca de uma passagem secreta. Sua missão é decifrar o Enigma da Pedra! Entrando por uma fresta aberta numa rocha, os pequenos exploradores nem imaginam o que poderão encontrar. O que haverá no final do túnel? A expectativa acaba na parede da caverna. Então, o guia propõe o Enigma: o que seriam aquelas pedras incrustradas na rocha? Abririam uma porta secreta? Tocando uma das pedras, eles observam que ela rola até um orifício. Mas... a água começa a subir! Como enfrentar esse imprevisto? A segunda pedra pode ser a resposta. Infelizmente, nada muda. Mas a terceira pedra resolve o Enigma! Diante de seus olhos maravilhados, surge a Caverna do Lago Azul, com suas cachoeiras e tobogã de água quentinha, estalactites e estalagmites. É nesse paraíso que todos se sentem aconchegados e felizes.

O Elo Perdido - Seguir pistas observando vestígios e detalhes do caminho sempre é uma tarefa instigante. O grupo terá que encontrar rastros de uma expedição que saiu à procura do Elo Perdido. O guia comenta que os paleontólogos passaram por ali há muito tempo, na década de 40. Passam por uma ponte de pedra ao estilo das formações do Gran Canyon, e percorrem a trilha no meio da mata. De repente, olhando para cima, que surpresa! Lá está um avião antigo, sobre as árvores. Eles entram à procura de pistas. O motor funciona! E lá está um mapa, uma bússola... Orientados por esses instrumentos, eles seguem em frente e vêem um sítio paleontológico. Depois de escavarem e encontrarem pequenos fósseis, eles sobem uma colina e, quando menos esperam, avistam o esqueleto de um enorme Tiranossauro Rex.


.: Cachoeiras: beleza e recursos hídricos.

Spazukamonaring - O sonho da Fórmula1 é possível! Nesta minipista de 250m, as equipes percorrem trechos de 4 dos mais importantes circuitos mundiais: Spa Francorchamps, na Bélgica; Suzuka, no Japão; Mônaco, no Principado de Mônaco; e Hungaroring, na Hungria. Primeiro, todos se reúnem na Praça dos Pilotos, para ouvir o regulamento e receber as superlicenças. E chega a hora da grande largada! Os participantes se revezam, dando o melhor de si e passando por pontes, desníveis e curvas, em situações que simulam dificuldades como neblina e chuva. O desempenho de cada piloto é narrado ao vivo, tendo ao fundo o ruído de motores, para animar ainda mais a torcida, que vibra até o final! Enquanto os campeões levam um banho de champagne no pódio, os pequeninos se divertem olhando das janelas do Hotel Spa, especialmente construído para seu próprio tamanho.

Indiana Jones - Atravessando o Ribeirão das Pederneiras, todos fazem o reconhecimento da mata galeria. Afinal, aqui começa a grande aventura, num verdadeiro estilo “Indiana Jones”. Passando pela cortina das águas da cachoeira, o grupo encontra a passagem secreta que leva à caverna. Dentro dela, o maior desafio é descobrir o segredo de sua saída, evitando os túneis por onde rola uma pedra gigante. Ao sair da caverna, o grupo percorre um “canyon”, na mesma mata ciliar por onde passou. Depois de vencer muitos obstáculos, nada melhor do que uma pausa refrescante na grande Cachoeira da Trilha. Já refeitos e prontos para prosseguir, os aventureiros retomam a caminhada. Quando menos esperam, estão descendo velozmente por um tobogã de nada menos que 103m, passando por dentro de outra caverna, até caírem alegremente nas águas claras do ribeirão

Planeta Terra – Pulando de continente a continente sobre um planisfério, o grupo descobre que pode percorrer o mundo, pelo menos em escala. São 8.500m² de relevo, onde eles aprendem ao vivo o que vem a ser ilha, cabo, baía, serras e vales. Observando o nascimento de um rio, tomando banhos de cachoeira em sua nascente, ou garimpando seu leito até a foz, o grupo integra-se à paisagem. Penínsulas, enseadas, abrolhos, abrem-se para uma lagoa que representa o oceano. É aí que o rio deságua, formando ilhas e praias, onde as crianças menores gostam de tomar sol. O Planeta Terra também surpreende por mostrar fenômenos que normalmente são difíceis de serem observados de perto. É o caso do gêiser, onde as crianças se divertem jogando suas camisetas e bonés a 15 metros de altura. Na Lagoa do Arco-íris, todos ficam maravilhados, observando como se processa o fenômeno da divisão do espectro solar.


VOLTAR
Publicada em: 22/11/03
 
 
Sinomar.com.br © Direitos Reservados
Design by Web Argon