14.3 C
Presidente Prudente
terça-feira, julho 5, 2022
spot_img

Professor Dr. Maurício Maia, diretor do Hospital de Olhos em Assis e Prudente, tem 12.119 citações internacionais

Com centenas de capítulos de livros publicados no Brasil e em todos os continentes,o profº Dr. Dr Maurício Maia, Diretor do Serviço de Retina e Vítreo do Hospital de Olhos com sede nas cidades de Presidente Prudente e Assis, linhas  de pesquisa com ênfase em cirurgia de retina, já tendo desenvolvidos técnicas e produtos que são utilizados no Brasil e todos os continentes com enorme prestígio internacional

Aos 48 anos de idade é o atual presidente da Sociedade Brasileira de Retina e Vítreo, com sede na cidade de São Paulo, vice presidente da Fundação Panamericana de Oftalmologia, com sede  em Arlington Texas (EUA),  bem como professor Adjunto e livre docente e vice-coordenador da Pós-Graduacao  do Departamento de Oftalmologia de Universidade Federal de São Paulo. Pesquisador nível 1 do CNPq.

Sua contribuição científica é relevante. Maia tem 12.119 citações internacionais por outros autores em diversas revistas internacionais, de acordo com o Google scholar –  ferramenta de domínio público que mostra a experiência científica dos pesquisadores ao redor do mundo. Tem ainda um índice H de 54. Isso significa que autores de todo o mundo citam os estudos e novas técnicas de tratamento clínico – sobretudo cirúrgicas do profº Dr Maurício Maia, 54 vezes por ano, em 54 publicações diferentes. Na prática isso significa que os tratamentos clínicos e sobretudo cirúrgicos em retina desenvolvidos por ele as equipes que ele coordena no Departamento de Oftalmologia da Universidade Federal de São Paulo, bem como com parcerias entre inúmeras universidades Brasileiras e reconhecidas universidades e grupo de estudo o internacionais como Universidade Johns Hopkins, Universidade de Harvard bem como em todos os continentes (incluindo América Latina), são utilizadas não apenas no Brasil mas em todo mundo.

Seu currículo por exemplo tem um nível igual ou maior que de profissionais da mesma área de muitos países desenvolvidos, com reconhecimento mundial. Vários tratamentos clínicos e em especial cirúrgicos em doenças da retina são utilizados desenvolvido por sua equipe são utilizados em muitos países do mundo.

Uma análise comparativa do seu currículo demonstra que o mesmo é o segundo de toda oftalmologia nacional e o primeiro de toda a Sub-especialidade de doenças de retina do país

Sócio-proprietário e fundador do Hospital de Olhos Participações SA (antigo Hospital de Olhos Oeste Paulista) , nas cidades de Assis e Presidente Prudente,  trouxe tecnologias inovadoras que beneficiam milhares de pacientes em todo país, algumas sendo as primeiras do Brasil como a técnica de cirurgia de retina sem sutura, o 1o equipamento de exames do fundo de olho a laser do país, um dos 3 primeiros equipamentos para cirurgia tridimensional de alta resolução do país, dentre várias outras ações de pioneirismos e empreendedorismo.

PREMIAÇÃO

INTERNACIONAL

Em conseqüência de suas contribuições científicas, Maia recebeu vários prêmios nacionais e internacionais em sua carreira como:

Um dos 3 melhores vídeos da competição mundial repair that’s retina – da empresa Alcon em 2021  -Secretariat award 2020 – Academia Americana de oftalmolfia; 

Um dos 3 melhores vídeos mundiais da plataforma refinaws – que contempla os melhores vídeos cirúrgicos em 2020

2019 – medalha professor Carlos asugusto Moreira em Curitiba – PR

2019 – Prêmio Antonino Austregésilo Rodrigues Lima – Academia Nacional de Medicina

2019 – Prêmio melhor video da Associação Americana dos Especialistas  em Retina

2018 – Prêmio Sênior Award da Sociedad América de Retina e Vítreo

2017 – Prêmio Achievement Award da Academia Americana de Ofalmolologia

Ao todos acumula 112 premiações nacionais e internacionais, em ênfase em novas técnica em cirurgia de retina, reconhecidos mundialmente desde 2002.

Professor Dr. Maurício Maia já formou 19 doutores, 5 Pós-Doutores  e atualmente tem mais seis pós-graduandos sob sua orientação na Universidade Federal de São Paulo

Vários estudos foram premiados pelo Ministério da Saúde do Brasil e de outros países como Holanda dentre muitos outros, sendo utilizados como argumentos científicos para desenvolvimento de projetos de lei para boas práticas em cirurgia e clínica nas ciências da retina e vítreo em vários países.

Recebeu Prêmio Capes de teses como orientador da melhor tese em medicina cirúrgica em 2014 do Brasil, desenvolvendo um produto que facilita a cirurgia de retina,  comercializado em vários países do mundo com alta utilização.

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redes Sociais

0FãsCurtir
31,650SeguidoresSeguir
7,057SeguidoresSeguir
- Advertisement -spot_img

Últimas