33.8 C
Presidente Prudente
quinta-feira, maio 23, 2024
spot_img

Através da jornada de aprendizado das crianças, o “O outono de 1970” trata as dificuldades da vida em família

No romance de estreia da jornalista Heloísa Miguel, autora e narradora se confundem para contar os acontecimentos que transformam a vida de duas crianças no decorrer do outono de 1970. Numa pequena cidade serrana em plena euforia com a Copa do Mundo, a menina Glorinha lida com uma série de rompimentos – da vida, do lar e até do país como o conhecia – e se sente precocemente empurrada para fora da infância.

A autora traça um vínculo entre o tempo presente da obra – o outono de 1970 – e o passado. Não numa memória inerte, mas sim num movimento dinâmico que conecta as duas dimensões temporais por meio de uma galeria de personagens humanos, com naturalidade, sem que pese a mão na caracterização.

Ao longo da narrativa, mulheres reagem a serem moldadas pelas expectativas e controle da sociedade sobre elas. “O romance O outono de 1970, de Heloísa Miguel, nos traz a força feminina e feminista, sem proselitismo, carregada de reflexão e esperança”, comenta o editor Leonardo Costaneto.

Na visão da autora, “são histórias de família que bem podem se assemelhar às do público, com defeitos, traumas e dores, mas também com aquela dose de esperança sem a qual não se vai adiante”. Sua proposta foi contá-las numa linguagem límpida “levantando questões que favoreçam a reflexão sobre a sociedade como um espaço complexo e tenso, porém onde todos deveríamos caber”.

Heloísa Miguel atua como assessora de imprensa e é autora de livros para empresas, dentre os quais a História do Prudenshopping, 45 anos da Unimed Prudente, 95 anos da Associação Comercial e Empresarial de Presidente Prudente e ABC da Energia, para a Duke Energy Brasil.

Lançado pela prestigiada Editora Caravana, “O Outono de 1970” pode ser adquirido acessando: https://caravanagrupoeditorial.com.br/produto/o-outono-de-1970/

Sobre a Caravana
Fundada em 2018, a editora começou produzindo livros artesanais na oficina própria em Buenos Aires, em parceria com a Imprenta Orificio e a Caburé Libros, parte do Grupo Editorial Caravana. Com sede brasileira em Belo Horizonte, em 2021 alcançou a marca de 500 obras editadas, reunindo autores brasileiros e de outros países latino-americanos.

CAPA DO PRIMEIRO LIVRO DE HELOISA MIGUEL

Artigos Relacionados

Redes Sociais

0FãsCurtir
32,985SeguidoresSeguir
7,119SeguidoresSeguir
- Advertisement -spot_img

Últimas